Fabiana Baroni Makdissi

Perguntas frequentes

Anticoncepcional e reposição hormonal

O anticoncepcional pode causar câncer de mama?

Infelizmente ainda não se tem resposta se o uso dos anticoncepcionais pode ou não ser fator de risco para câncer de mama. Acredita-se que seu uso por mais de 10 anos antes da primeira gestação seria ruim, mas por outro lado poderia estar protegendo contra o câncer de ovário. Os anticoncepcionais têm sofrido muita modificação, dosagens menores, associações diferentes e ainda não se tem resultados do seu efeito após todas estas modificações. O ideal é sempre conversar com seu médico para que todos os prós- e contras sejam aplicados no seu caso.

Fazer terapia de reposição hormonal (TRH) causa câncer de mama? E se eu usar um hormônio natural de planta (isoflavona) há algum risco?

As mulheres têm vivido mais, cada vez mais inseridas no mercado de trabalho e estas são algumas das causas de as mulheres buscarem qualidade de vida após a menopausa (após parar de menstruar). A TRH pode trazer benefícios cardiovasculares e físicos a algumas mulheres. Seu uso deve ser orientado por um médico apto e deve-se conversar com a paciente sobre risco e benefícios desta medicação.

Quando se iniciou o uso indiscriminado de reposição hormonal nos EUA, (mesmo para pacientes sem sintomas) começou a se observar números mais elevados de diagnósticos de câncer de mama. Portanto, o uso da reposição hormonal deve ser restrito às pacientes que tenham necessidade dela sob supervisão do médico, sendo que o risco de câncer de mama para as mulheres que tomam esta medicação é maior que aquelas que não tomam, e que o uso por mais de 5 anos deve ser evitado.

As isoflavonas são hormônios de menor potência, mas que devem ser igualmente supervisionados pelo médico em seu uso.

Quando a mulher teve câncer de mama, pode usar reposição hormonal?

Não. Deve-se conversar com o médico para que os sintomas da menopausa sejam aliviados com outra droga que não seja hormonal, já que a maioria dos tumores da mama responder aos hormônios, ou seja, se alimentam deles para crescer.